Direito da Família

No campo das relações jurídicas do Direito de Família e do Direito Sucessório uma nova ótica de leitura se impõe, pois a cada dia surgem novas regulamentações e posturas: a guarda compartilhada de filhos; a separação judicial sem culpa; a possibilidade de realizar o arrolamento, a partilha, a separação e o divórcio por escritura pública; os direitos patrimoniais nas  relações homo afetivas;  a pensão para o cônjuge  culpado pela separação; o direito à herança na união estável etc.

  • Planejamento sucessório e exoneração de pensão alimentícia;
  • Tutelas de urgência relacionadas com violência doméstica;
  • Separação por escritura pública;
  • Separação, Divórcio e Partilha judicial de bens do casal.